• Aquários Sobrinho

Teste de Magnésio - Por que sempre fazer?

Hoje iremos falar de um teste bastante importante para o aquário marinho pois é fundamental para o equilíbrio iônico da água, mas também é muito importante para os peixes, plantas e invertebrados de todos os tipos de aquário, o Magnésio.

O Magnésio é encontrado no mar numa concentração média de 1300ppm o que faz dele um dos compostos presentes em maior quantidade na água salgada. Na água doce, o Magnésio é encontrado numa taxa média de 4ppm.


O Magnésio é um dos compostos mais importantes na osmorregulação dos organismos aquáticos e em suas funções biológicas, porém também é um composto altamente importante no equilíbrio iônico da água do aquário. O Magnésio reduz a precipitação do Cálcio e da reserva alcalina.


Diferente do Cálcio, os peixes absorvem o Magnésio quase que completamente da digestão e muito pouco pelas guelras, assim sendo a concentração desse elemento na água tem como principal função o equilíbrio osmótico e iônico para os peixes.


Para as plantas e corais, o magnésio é um importante elemento no processo da fotossíntese, seja na transferência de energia ou na sintetização de proteínas, formação de clorofila e na utilização desses compostos. O primeiro sintoma da falta de Magnésio nas plantas é o amarelecimento das folhas velhas. Em água doce, como a concentração de magnésio é baixa na água, substrato fértil é essencial para a grande maioria das plantas. Quanto à calcificação dos corais duros, existem alguns estudos que mostram a relação entre a calcificação e o Magnésio da água, assim ele nas quantidades recomendadas é altamente importante para o crescimento desse tipo de coral.


Os crustáceos são animais bastante dependentes dos níveis Magnésio na água, pois seus exoesqueletos são compostos em parte com esse composto além dele influenciar no mecanismo da troca dos exoesqueletos.

As algas pinks, motivo de tanto orgulho por alguns aquaristas e desejos de outros, são dependentes dos níveis estáveis de Magnésio na água para crescerem bem.


Quando é preciso repor Magnésio no aquário marinho, existem algumas formas bastante eficientes e simples, porém, se manter a concentração estável, o consumo é muito baixo no aquário. Com trocas parciais semanais de 15% a 25% é capaz de repor o magnésio semanal da maioria dos aquários com poucos corais. Quando o consumo é alto é possível repor com um reator de Cálcio com mídias contendo Magnésio ou com compostos usados no sistema Balling.


Em aquários de água doce não há necessidade de reposição de magnésio diretamente pois as trocas parciais, a alimentação, fertilizantes e o substrato para as plantas fornecem tudo o que é preciso para o aquário.


Assim, é por isso tudo que é importante manter os níveis de Magnésio estáveis no aquário marinho, pois além de função osmótica, ela influencia no metabolismo dos animais. Nos aquários de água doce não necessita de muita atenção a não ser que seja um aquário plantado.


Aquários Sobrinho 

Telefones: 27 33261100 - 27 993115626 - 31 982859240

email para orçamentos: angelolucas90@yahoo.com.br

email para fábrica: sobrinhoaquarios@gmail.com

Endereço: Rua Luiz Soares do Nascimento, 109, Ilha das Flores, Vila Velha -ES

CNPJ 26.049.716/0001-77