• Aquários Sobrinho

Economizando no Aquarismo

Atualizado: 19 de Jan de 2019

Uma das maiores questões do aquarismo é como economizar e não ter que gastar rios de dinheiro para ter um aquário bonito e saudável e vamos ajudar aos nossos leitores a entender onde vale a pena economizar e onde não vale a pena economizar.

Economizar em alguma coisa necessária pode acarretar num custo ao longo prazo muito maior que a economia e até mesmo em prejuízos totais, então é preciso ficar atento ao resultado dessa economia ao longo prazo.


A chave da economia está no planejamento total de todo o aquário integrando a fauna final desejada, espécies, características de água, necessidades de equipamentos para poder antever as necessidade e em no acesso ao conhecimento técnico do assunto.  


Montar um aquário bonito e barato é possível quando se atenta aos seguintes pontos:


Economia na construção do aquário


Montar um aquário barato começa por uma boa pesquisa de pessoas que colam o aquário do tamanho adequado com bom preço e material de boa qualidade. Usar vidro de boa qualidade, silicone adequado e a técnica correta é a melhor maneira de economizar dinheiro no longo prazo e até mesmo na aquisição.


Não compensa economizar com vidro de baixa qualidade, silicone inadequado e em tentar fazer se não tem experiência.


Tentar montar o aquário por si só pode ser viável em caso de aquários pequenos, mas tenha ideia de que no começo  a colagem vai sair errado e você terá que desmontar, limpar e montar de novo e isso pode arranhar e quebrar vidros, talvez gerando mais despesas do que comprar pronto.


Pesquise bem na sua cidade as pessoas que trabalham com isso porque os preços variam muito devido ao acesso a fornecedores, idoneidade e tempo disponível.


Um fator importante é o adesivo usado: Não é qualquer "silicone"!!


Geralmente, os adesivos a base de silicone fabricados para trabalho imerso  são bem caros, quatro ou cinco vezes mais caros que os vedantes de silicone comuns, comprados em qualquer comércio. Mas, vão garantir uma colagem segura e duradoura para o aquário.


Nem sempre o mais barato é o mais honesto, tome cuidado com isso. Muita gente cobra barato e fica enrolando para entregar o aquário, ou usam vidros imperfeitos (chinês) e silicones baratos,  e,  muitas vezes vale a pena pagar mais caro por alguém que vai entregar conforme combinado.


Economia no móvel do aquário


Essa é uma das áreas que é possível economizar muito dinheiro quando se monta um aquário ou gastar pequenas fortunas.


Comprar um móvel para aquário barato é possível, basta usar materiais que sejam mais baratos na sua região.


Aqui no Espírito Santo os móveis de granito saem mais baratos que os de madeira ou alumínio e é possível dar o envelopamento que se quiser de acordo com seu gosto, ou mesmo, deixar em estrutura aparente.


Uma dica de móvel barato é apenas a estrutura, seja ela metálica, de madeira adequada, alvenaria ou pedra. O maior custo do móvel é com o acabamento.

Móvel do nosso aquário marinho em ardósia. Não empena e não dá cupim srrs

Também é preciso ficar atento com a idoneidade de quem vai fazer o móvel, muitas vezes o mais barato não vem feito como pedido e pode dar muita dor de cabeça para reformar.

Marceneiros costumam prometer móveis em material naval , que é bem mais caro, e entregar com material comum, apenas disfarçado. Ao molhar, o material incha e racha o fundo do tanque.


Economia na filtragem


Esse é um ponto onde qualidade não está necessariamente relacionada com o preço, é um questão de conhecimento do assunto e uso correto do material que se dispõe.


Existem pontos onde se podem economizar muito e outros que não valem a pena economizar devido ao risco.


Qual a diferença real de uma mídia que custa R$15,00 o litro e R$100,00 o litro? A nosso ver e pelos nossos resultados, comparando anéis de cerâmica comumente comercializados para aquarismo, e as mídias "de alta tecnologia" e caras, e não encontramos nenhuma, absolutamente nenhuma diferença. Conseguimos excelentes resultados com mídias mais baratas, cuidando apenas de seu uso correto, do ponto de vista técnico.


Criou-se no aquarismo uma falsa ideia de que quanto maior a superfície específica disponível, melhor o resultado, porém isso nunca se mostrou real na indústria e nem no aquarismo.


Uma mídia de cerâmica tem entre 50m² a 700 m² por litro, tendo 1 litro apenas superfície específica mais que suficiente para quase todos os aquários domésticos do mundo, porém, na prática, não é bem assim que acontece.


Já escrevemos detalhadamente sobre esse assunto no texto sobre a superfície específica que pode ser lido clicando aqui!


Não se deixe levar pelo modismo do aquarismo, ele custa caro e não tem resultados que justifiquem a sua escolha.


Os comerciantes do ramo do aquarismo no Brasil tem um alto custo de manutenção de suas lojas, seja pelo custo do espaço, manutenção dos animais e empregatícios, o que leva a precisarem de um grande volume de vendas para se manterem, um fato que faz com que as coisas muito caras sejam propagadas como essenciais e as coisas que funcionam e são baratas não funcionam.


Uma das coisas mais baratas e eficientes que vimos na filtragem é a argila expandida. Muita usada mundo afora, mas aqui, sofre preconceitos porque não se pode explorar economicamente. Muitos lojistas e aquaristas  patrocinados por importadoras e empresas do ramo,  tem verdadeiros ataques histéricos quando falamos de sucesso com argila expandida.


Escrevemos um texto com muitos detalhes sobre a vantagem da argila expandida que pode ser lida clicando aqui!


A diferença principal entre as mídias é a forma com que se usa.


Os dois maiores exemplos sobre a forma de usar a mídia é a areia e a K1.


A areia fluidizada é um dos melhores sistemas de filtragem biológica que conhecemos, porém requer apenas um pouco mais de trabalho na confecção do reator. É possível usar um filtro de areia por gravidade, porém o resultado é muito inferior ao de areia fluidizada.

O mesmo raciocínio da areia vale para a K1, com a diferença que areia tem muito mais superfície para colonização de bactérias e melhor coeficiente de oxigenação e difusão de nutrientes, e é muito, mas muito mais barata.


Outra vantagem da areia fluidizada é a constante eliminação do excesso de bactérias, mantendo o biofilme sempre controlado e forçando as bactérias a se reproduzirem constantemente.


Acreditamos que os filtros de areia fluidizada não são muito usados mais por serem baratos do que pela pequena maior necessidade de atenção no seu funcionamento.


Escrevemos um texto com mais detalhes sobre o filtro de areia fluidizada, clique aqui e leia!


Veja abaixo a nossa antiga bateria de carpa muito povoado mantida apenas com cerca de 3000 litros totais e chegando a ter mais de 300 carpas quando recebíamos encomenda. Amônia sempre variando entre 0 e 0,25 e nitrito zero e não tinha mais que 80 litros de argila expandida, menos de 300 ml de argila para cada carpa!

Esse é um aquário de carpas e ciclídeos do Antônio com nosso filtro onde a filtragem é feito com argila expandida e com nosso cartucho de mídia plástica não tendo mais que 30 litros de mídia para um aquário de 700 litros.

Esse aquário de discos abaixo é do nosso cliente Gessé que usa também o nosso sistema de argila expandida e nosso cartucho biológico. Não tem mais que 15 litros de mídia.


Esse é o lago do nosso cliente Antônio também com o mesmo sistema. Veja o quanto a água está cristalina.

Esse é o nosso lago com o mesmo sistema e também muito cristalino.

Nós desenvolvemos os nossos filtros para tirar o maior aproveitamento das mais diversas mídias sem ficarmos reféns das caras mídias de aquário. Hoje filtramos aquários e lagos de até 5000 litros com mídias custando na média de R$150,00, valor inconcebível na maioria das lojas e grupos de aquarismo.


Esse nosso resultado só é possível porque investigamos a fundo o processo da filtragem biológica.


Para ficar por dentro da filtragem biológica lei aqui o nosso texto com muitos detalhes sobre ela!


Muitos falam do Siporax como a melhor mídia do mundo, porém existem poucos trabalhos científicos testando de forma adequada o resultado dela na filtragem. Esse trabalho aqui feito em 1999 mostra que entre canos de pvc cortados somando 1220m², siporax somando 32000m² e um filtro rotativo somando 271,2m² que a siporax, mesmo tendo dezenas de vezes mais superfície específica, teve resultado pior que meros canos de pvc cortados.

Leia esse artigo científico clicando no link abaixo: 


http://www.wrc.org.za/Knowledge%20Hub%20Documents/Water%20SA%20Journals/Manuscripts/1999/02/WaterSA_1999_02_apr99_p239.pdf


Na filtragem não vale a pena economizar com bombas pequenas e de baixa qualidade, os resultados ficam muito prejudicados por isso, sem falar no risco de acidentes.


Uma bomba de má qualidade que o fio descascar e o cobre ficar em contato com a água vai matar todo o aquário em pouco tempo. De maneira nenhuma a pequena diferença no preço cobre o prejuízo de perder os peixes do aquário.


Existem muitas marcas chinesas boas no mercado como a Atman, Mydor  e a Via Aqua com ótimo custo benefício.  Porém, existem marcas chinesas  muito baratas que são certeza de prejuízo e aborrecimentos.


Um cuidado que se deve ter ao escolher uma bomba é verificar a perda de vazão das chamadas "bombas eletrônicas". Essas bombas são nominalmente muito mais econômicas, mas, perdem pressão e vazão ao menor esforço de resistência. 


Bombas eletrônicas de 12 000 litros/hora  perdem 80% da vazão a cerca de 4 metros de altura e, se usadas em filtros pressurizados, acabam perdendo a vantagem de economia  energética. 


Nem sempre os valores nominais das embalagens se repetem na realidade do uso. Aliás, isso quase nunca acontece.


Na filtragem geral do aquário, uma maneira de manter os custos baratos, é montar um sistema que funcione corretamente no longo prazo ao invés de manter sistemas que necessitam de reposição e/ou adição constante de coisas.


O maior exemplo de gastos que não vemos real necessidade e achamos puro marketing é a dosagem de produtos à base de colônias de bactérias regularmente, os chamados "aceleradores de biologia" . É gastar dinheiro à toa já que o aquário pode funcionar perfeitamente sem o uso deles.


Já registramos vários picos de amônia quando esses produtos foram usados por clientes e amigos nossos.


Um sistema de filtragem biológico com quantidade adequada de mídias e vazão é suficiente para manter o aquário por toda a sua existência.

 

Economia na iluminação


A iluminação é um dos pontos cruciais de um aquário plantado ou de corais, mas será que é possível manter um aquário bem plantado ou bem povoado de corais de maneira barata? Claro que sim! basta comparar as opções disponíveis.


Existem 3 custos de iluminação a se considerar: custo de aquisição, custo de consumo e custo de manutenção.


O custo de aquisição é o preço do equipamentos. Leds costumam ser mais caros (muitas vezes muito mais caros) que as tubulares e as HQIs.


O custo de consumo é a potência do equipamento. Leds costumam ter um consumo um pouco  menor que HQIs e tubulares, mas não é tão menor quanto imaginam ou propagandeiam.


O custo de manutenção acontece em caso de algum fator que impeça o funcionamento da lâmpada antes do fim da sua vida útil, como coolers, lentes, reatores ou transformadores.

O que vai definir como economizar na iluminação do aquário é a relação entre esses 3 custos.


As lâmpadas HQIs são as nossas preferidas, elas são baratas, de fácil acesso sendo encontradas até em materiais de construção e lojas de iluminação, duram entre 6 meses e 18 meses dependendo da qualidade e do fotoperíodo utilizado. Pra nós da Aquários Sobrinho é o melhor custo benefício em relação a qualidade da luz e custo total.


As HQIs tem a maior capacidade de penetração na água em relação aos outros 2 tipos, sendo a mais indicada para aquários altos.


A único inconveniente das HQIs é nos aquários marinhos onde ela emite muito calor, o que faz necessário o uso conjunto com o chiller.  


De toda forma, um chiller é quase sempre necessário, na grande maioria dos aquários marinhos, e tem se mostrado um fator de sucesso em aquários marinhos com mais de 5 anos estabilizados.


Uma dica muito barata para economizar com HQIs de alta qualidade é comprar em sites como Amazon e Ebay. Nesses sites as HQIs de ótima qualidade custam coisas de 10 a 20 dólares e mesmo com o frete sai muito em conta.


Fique atento que todas as lâmpadas HQIs são em 220v!!


As lâmpadas tubulares são facilmente encontradas nas lojas de aquarismo e até em lojas de iluminação e materiais elétricos com ótimo preço e duram entre 6 e 12 meses dependendo da qualidade e do fotoperíodo.


As lâmpadas tubulares tem uma média penetração na água em relação ás lâmpadas HQIs e Leds e esquentam pouco a água, sejam elas T5, T8 ou T12.


As lâmpadas leds são as mais caras de todas, porém as que tem um menor consumo e as que duram mais, mas nem duram tanto assim como falam.


A durabilidade das lâmpadas Led são de mais de 10 anos segundo os fabricantes em condições ideiais, mas há uma diferença muito grande entra a lâmpada de led e o sistema que faz o led funcionar. As calhas de led dificilmente duram mais de 2 anos devido a problemas no sistema eletrônico devido a corrosão, calor e outras coisas. Um problema no circuito das lâmpadas podem fazer os leds queimarem como qualquer outra lâmpada.

Procure pessoas que usem os mesmos leds há mais de 5 anos sem nenhum problema de manutenção. Vai ver que são pouco, muito poucos.


As lâmpadas led não emitem radiação infravermelha responsável pelo calor, o que as torna bastante vantajosas para os aquários marinhos sem chiller, mas não se engane por isso quando o assunto é calor. As lâmpadas podem não emitir radiação infravermelha, porém o sistema da calha de led produz calor,se não fosse assim, elas não precisariam de ventoinhas e outros sistemas de dissipação de calor, né?


Bom, agora vamos fazer uma simulação aqui em relação a valores dessas 3 opções em um aquário de 375 litros ( 1,5 metros de comprimento x 0,5 metros de altura x 0,5 metros de largura) com bastante corais levando em consideração um aquário com alta iluminação em todo o seu comprimento e levando em conta equipamentos com ótimo desempenho.


Para os HQIs consideraremos 2 lâmpadas de 150W da Marine Color com temperatura de cor de 14000k.


Para as lâmpadas tubulares consideraremos 4 lâmpadas T5  Solar Natur Ultra da JBL de 80w cada.


Para os Leds serão considerados uma luminária Razor R420r de 320w. Se usássemos uma luminária menor da mesma linha não iria iluminar completamente o aquário.


Além da potência das lâmpadas é preciso levar em conta o formato delas e das suas luminárias para uma distribuição da luz em todo o aquário.


Os custos estimados aqui foram olhados na internet hoje, 28/09/2017, sendo facilmente conferidos por uma rápida busca. 


Análise do custo de aquisição

Quem quiser baratear o custo da calha da T5 pode fazer em casa e fica bem barato já que a luminária considerada para 4 lâmpadas é bem cara.


As luminárias da HQI são aquelas comuns de jardim, dificilmente se acha uma melhor.


Análise do custo de consumo

Uma das maiores confusões é sobre o consumo de energia e nessa tabela fica bem claro.


Cada watt de potência consumida de um equipamento, independente de qual equipamento elétrico seja, tem o mesmo consumo, seja de lâmpadas, motores ou qualquer outro equipamento. Por isso o consumo ficou parecido nessa comparação.


Análise do custo total em 5 anos

Nunca vimos um lâmpada HQI queimar em todos esses anos de aquarismo, então não há custo de manutenção.


Também raramente vimos T5 queimar já que elas são trocadas nem antes da sua meia vida acabar, mas os reatores costumam precisar de reposição. Consideramos 15% do custo das lâmpadas para manutenção.


Os sistemas eletrônicos dos leds costumam das problemas com o tempo, seja na fonte ou no sistema de refrigeração ou mesmo lâmpadas queimadas por curto circuitos.

Consideramos 20% o custo de manutenção já que a mão de obra é mais cara do que a simples reposição das T5.


Cerca de 25% da potência do HQI é emitida na forma de radiação infra-vermelha que aquece bastante a água, então pode-se considerar mais esse valor em relação à refrigeração, aumento o custo final para R$4490,00, menos que o custo de aquisição da luminária LED!!!!


Nenhuma das lâmpadas deixa a perder para a outra considerando lâmpadas adequadas de ótima qualidade, mas vemos na prática, comparando mudas de corais que saem daqui e vão para amigos com várias formas de iluminação diferentes que o desenvolvimento no HQI é superior em muitos corais e inferior em alguns poucos.


Nos nossos estudos, encontramos algumas publicações científicas interessantes onde mostram que a mucosa do coral desenvolve uma microbiologia da qual ele se alimenta. Esses microorganismos filtram a radiação UV e sofrem influência da radiação infra vermelha, já que o calor acelera seu metabolismo.


Fizemos um texto mencionando esses artigos que podem ser lidos clicando aqui!


Assim, a lâmpada HQI se mostra muito mais econômica ao longo do tempo e muito eficiente. Nos aquários de água doce, onde na maioria dos casos existe um problema para aquecer os aquários, essa radiação é de grande ajuda na manutenção da temperatura da água.


As HQIs ainda tem uma outra vantagem sob as outras: elas são de construção muito simples  o que faz que mesmo as nacionais sejam de ótima qualidade.


Usamos HQIs da Empalux por muito tempo com resultado muito melhor que diversos leds e com resultado tão bom ou melhor que os leds para aquários das melhores marcas comparando o desenvolvimento de mudas de corias de uma mesma colônia em luzes diferentes nos aquários de nossos amigos e clientes.


Existem outras marcas de HQI, led e T5 no mercado que podem ser usadas com variações de preços, rendimento e durabilidade para a necessidade específica de cada aquário. Existem aquários plantados simples e muito bonitos com leds comuns encontrados no mercado.


O que vai determinar a qualidade da iluminação é a necessidade do aquário. Nunca se esqueçam disso.


Aquários simples podem ter iluminação mais simples e aquários mais exigentes precisam de iluminação de melhor qualidade.


Sobre iluminação é importante lembrar que,  as famigeradas e indesejáveis algas e cianobactérias tem na iluminação um fator de desenvolvimento. Usar lâmpadas domésticas ou não fabricadas para uso em aquários é pedir para ter problemas com algas e cianobactérias. 


As lâmpadas de uso doméstico tem sempre uma temperatura de cor inferior a 10000º Kelvin e as algas "adoram" isso.  Use sempre lâmpadas, do tipo que for escolhido, com temperatura de cor acima de 10000ºK para reduzir a incidência dessas algas.   


Economia em aquecimento e refrigeração


Essa é uma parte difícil de conseguir uma economia grande e muitas vezes não vale a pena.


Manter a temperatura adequada é fundamental para todo e qualquer aquário.

A melhor forma de economizar no aquecimento e na refrigeração é comprar equipamentos de alta qualidade, pois esses equipamentos possuem um rendimento maior, ou seja, trabalham mais consumindo menos energia.


Clique aqui e leia nosso texto sobre refrigeração dos aquários comparando ventoinhas, pastilhas peltier e chillers e veja porque não vale a pena economizar num chiller caseiro de inox para aquários marinhos!


Uma maneira de economizar em aquários grandes é o aquecedor remoto da Aquários Sobrinho. Clique aqui e veja mais sobre esse equipamento!


Economia de Suplementos


A grande maioria de aquários precisa de suplementos para manter o pH estável, repor elementos minerais essenciais, fertilizar plantas, etc.


Nesses suplementos na maioria das vezes vale a pena comprar uma quantidade maior de um produto que rende muito, assim você economiza no logo prazo.


Uma coisa importante sobre os suplementos, principalmente elementos traços e fertilizantes, é que muitos aquaristas acham que estão economizando comprando os sais estáveis  em lojas de produtos químicos e os usam tais como compraram.


Isso é um erro bastante comum, já que os organismos aquáticos utilizam de maneira mais dificultada os sais puros do que na forma quelada, porém a forma quelada desses sais não são comercializadas nas lojas de produtos químicos e devem ser produzidas por laboratórios especializados.


A Aquários Sobrinho fabrica uma extensa linha de suplementos para todo tipo de aquário e lago ornamental todos devidamente quelados para uma maior economia e rendimento.


Economia na alimentação


Nesse ponto o barato sai muito caro.


Sempre dê preferência às melhores rações do mercado. Elas vão garantir uma melhor qualidade de água e saúde dos seus peixes.


A melhor maneira de economizar e cultivar alimentos vivos para complementar a alimentação dos seus peixes.


Clique aqui e leia nosso texto bem detalhado sobre a alimentação nos aquários!


Buscamos nesse texto mostrar que existem pontos que valem a pena e outros que não valem a pena economizar. É possível sim fazer um aquário bonito e barato, basta conhecimento, dedicação e entender que algumas coisas realmente tem custo alto e outras não, que são apenas modismos ou marketing.

Aquários Sobrinho 

Telefones: 27 33261100 - 27 993115626 - 31 982859240

email para orçamentos: angelolucas90@yahoo.com.br

email para fábrica: sobrinhoaquarios@gmail.com

Endereço: Rua Luiz Soares do Nascimento, 109, Ilha das Flores, Vila Velha -ES

CNPJ 26.049.716/0001-77