• Aquários Sobrinho

Aquaponia Aquários Sobrinho - 3 meses

Desde o começo de julho nós resolvemos investir em um sistema aquapônico em nosso lago ornamental e até então estamos muito surpreso com os resultados. Estamos produzindo uma boa quantidade de alimentos orgânicos e livre de agrotóxicos como temperos diversos como cebolinha, salsinha, coentro e manjericão, verduras como alface, couve, tomate, pepino, brócolis, taioba, gengibre e estamos testando até frutas!


A primeira coisa a salientar desse sistema é que não prejudicou a qualidade da água de maneira nenhuma e não aumentou a evaporação significativamente. A aquaponia ainda ajudou a manter estáveis os níveis de nitrato e fosfato do nosso lago ornamental. 


O nosso primeiro projeto foi um pequeno canteiro com 1 metro de comprimento para ver os resultados. Fizemos calhas com tubos de 300mm para um maior aproveitamento do espaço. Enchemos de argila expandida.


Uma coisa que sempre criticaram é a falta de um sifão comumente usado na aquaponia. Nós não usamos nenhum sifão no nosso sistema, o fluxo é contínuo e regular.


Colocamos plantas já adultas que tínhamos no canteiro de terra e em poucos dias elas pegaram e estão firme e forte até hoje dia 02/10/2017.


No dia 9 de julho aumentamos nosso sistema com outra calha dupla que pode ser vista no vídeo abaixo. Reparem na transparência da água do lago.

O sistema apresentou grandes resultados em poucos dias e logo ampliamos um pouco, arrumamos algumas mudas com amigos e plantamos nossas primeiras mudas. 


Veja a sequência de vídeo que fizemos ao longo do tempo semanalmente para acompanhar o crescimento:


Nossa aquaponia dia 16/7

Nossa aquaponia dia 23/7

Nossa aquaponia dia 30/7

Para quem ficou curioso sobre as nossas calhas de cultivo, segue um vídeo com detalhes da montagem.

Essa é a visão panorâmica da nossa aquaponia no dia 2 de agosto. Reparem na qualidade da água, fator crucial para um ótimo desenvolvimento das plantas

Quando o sistema começou a estabilizar e as plantas começaram a pegar força, começou um crescimento muito intenso das plantas, principalmente das alfaces.


Vídeo da nossa aquaponia dia 06 de agosto

Vídeo da nossa aquaponia dia 14 de agosto



Não adianta ficar falando dos resultados se não mostrar o fator primordial desse sucesso: os nossos filtros. 


Nossos filtros são responsáveis por manter a amônia zerada, amônia que é prejudicial para as plantas e para os peixes e pela transformação dessa em nitrato que será aproveitado pelas plantas.

Voltando à evolução do nosso sistema, segue o vídeo do dia 20 de agosto:

No dia 24 de agosto, com cerca de 45 dias das alfaces plantadas, colhemos nosso primeiro pé com um tamanho dificilmente encontrado nos sistemas de aquaponia que vimos no Brasil e pode ser visto no vídeo abaixo.


No dia primeiro de setembro  ampliamos de novo o nosso sistema devido à falta de espaço que já estávamos enfrentando. 

No dia 10 de setembro já estávamos com as mudas antigas que sobraram e não tinha espaço plantadas. É muito interessante notar que as mudas que demoraram a ser plantadas não desenvolveram bem, elas pararam de crescer, mas não pararam seu ciclo de vida pendoando na mesma época das outras que foram transplantadas no tempo certo. 


As mudas do canteiro novo são da mesma época dessas alfaces maiores.

No dia 18 de setembro nós já havíamos consumido muita salsinha, cebolinha, coentro, couve e alface da nossa aquaponia e já estava crescendo mais no canteiro novo.

Desse canteiro novo o que nos surpreendeu foi o pepino. Nenhuma outra planta cresceu igual ao pepino. Esperamos uma ótimo colheita dele no final de outubro. 


O nosso sistema fez tanto sucesso que já fizemos um lago com aquaponia para um cliente muito especial, o Carlinhos de Guarapari. Essa aquaponia foi ligada muito afastada do lago sem problema nenhum.

E hoje demos mais um passo que é a plantação de uma jabuticabeira e um pé de mexerica (vai aparecer no próximo vídeo) no nosso sistema. Além de verduras iremos também começar o projeto pomar aquapônico com diversas frutas.

Bom, o que percebemos nesses 3 meses de pesquisas e testes é que um sistema aquapônico bem dimensionado é capaz de produzir alimentos saudáveis e em um tempo muito pequeno. 


Algumas plantas vão bem, outras não vão. Como em todo cultura, existem variáveis ambientais que influenciam no desenvolvimento das plantas. Não adianta querer porque não tem como todas as plantas irem bem no mesmo sistema. 


É possível criar sistemas isolados comercialmente para determinados tipos de plantas e peixes criando o ambiente adequando para cada cultura.

 

Outra vantagem que percebemos é a pouca bagunça. Como não tem terra, não faz sujeira. Você mexe nas plantas e não se suja nem suja o ambiente ao redor. 


Não precisa nem falar que não tem que esquentar em aguar as plantas, né?


Outra vantagem é que não cresce mato na argila. É muito difícil uma planta crescer da semente na argila expandida. 


Falando em semente, é muito importante uma mudeira para as plantas novas e ter sempre opções de acordo com o consumo. O ideal é ir colhendo e já plantando. Aqui a gente pega um pé de alface e já deixa a muda no lugar, o mesmo vale para o coentro. Assim, em pouco tempo, sempre vai ter plantas em diversos estágios de desenvolvimento.

Para quem dispõe de pouco espaço,  a aquaponia é muito viável para aproveitar beiradas de muros, soleiras de janelas e outros espaços com luminosidade não aproveitados.


Estamos muito animados com os resultados e com a perspectiva de futuro desse projeto. Acompanhe nossos vídeos e textos e veja os resultados

Aquários Sobrinho 

Telefones: 27 33261100 - 27 993115626 - 31 982859240

email para orçamentos: angelolucas90@yahoo.com.br

email para fábrica: sobrinhoaquarios@gmail.com

Endereço: Rua Luiz Soares do Nascimento, 109, Ilha das Flores, Vila Velha -ES

CNPJ 26.049.716/0001-77